Não sabe o que é otome? Um guia básico para iniciantes

O mercado de otome games está lentamente crescendo no ocidente. Adaptações em formato de anime também estão ficando cada vez mais comuns. Entretanto, o que realmente significa esse mundo? O que significa “otome”? O que seriam esses otome games e esses drama CDs? Quais são as empresas mais populares no mercado atual e as revistas que trazem notícias da área? Confira esse guia que tentará responder ao máximo todas essas perguntas!

O QUE SIGNIFICA “OTOME”?

Otome (乙女) é um termo derivado do Japão, que significa donzela, moça pura, senhorita. Ou seja, o mercado “otome” seria uma maneira de dizer que são produtos como jogos, CDs, entre outros que são direcionados ao público feminino. A principal característica dessas obras é conter uma protagonista/heroína feminina.

O QUE SERIA UM “OTOME GAME”?

Otome game (乙女ゲーム otome gēmu), é um subgênero de Visual Novels ou Simuladores de Romance (sim, há uma leve diferença) direcionado para o público feminino. Há alguns casos em que não são nem VNs, nem Simuladores de Romance (dating sims), como RPGs em que você pode se relacionar com outros personagens, mas há pessoas que consideram esses jogos como otome games e outras não. Esses jogos são compostos por um “harém inverso”, em que há uma protagonista mulher que pode se relacionar com um dos homens. Alguns jogos oferecem uma ou outra rota com garota, no caso, tendo uma rota shoujo-ai. Apesar da proposta de romance, isso não significa que todos os jogos sejam focados nisso.

Jogando Otome Game cof

Esse subgênero tem, também, dois apelidos: otoges ou otomeges. Na verdade, o certo seria apenas o apelido “otomege”, pois em japonês ficaria “乙女ゲー”. Como podem notar, o kanji de “otome” é mantido no apelido. Há discussões sobre esses dois apelidos porque “otoges” são usados como diminutivos para jogos de ritmos, que são chamados de “Oto Geemu” (音ゲーム), então pode acabar gerando uma confusão. Aqui no ocidente, “otoges” é mais utilizado para otome games, então não seria necessariamente errado falar assim, já que é o mais conhecido por aqui.

QUAL SERIA A DIFERENÇA ENTRE UMA VISUAL NOVEL E UM SIMULADOR DE ROMANCE?

Há pessoas que não consideram tantas diferenças, outras sim. Entretanto, a grande diferença é a jogabilidade: Visual Novels são como livros interativos, em que você lê uma história na perspectiva de um protagonista e há diversas rotas para você entrar por meio de opções. Raramente Visual Novels têm algum gameplay diferente disso e nem todas têm objetivo de namorar alguma personagem.  Esses jogos normalmente consistem de: uma rota comum (não obrigatório); rotas de, em média, cinco personagens diferentes OU rotas com foco em algum fator da história; minigames opcionais e finais diferentes. Exemplos de Visual Novels conhecidas são: CLANNAD, Umineko no Naku Koro Ni (apesar de haver discussões se esse é mesmo uma Visual Novel ou Sound Novel, que é a mesma coisa, só que sem opção alguma ou rotas diferentes), Fate/Stay Night, Steins;Gate e Hakuouki.

Interface de Hakuouki Shinsengumi Kitan, traduzido pela Aksys
Interface de Hakuouki Shinsengumi Kitan, traduzido pela Aksys

É importante notar que Visual Novels são lançadas para qualquer tipo de plataforma. No caso dos Otome Games, as plataformas mais populares são PSP/PS Vita, PC e Celular. Os eroge (jogos eróticos) ou R-18 (como o nome diz, para maiores de 18 anos) são lançados SOMENTE em PC, nunca em consoles como PSP, Vita, DS e etc. Claro, isso não significa que todas as VNs de PC são, necessariamente, R-18. Quando as séries ficam famosas o bastante, elas ganham fandiscs ou fandisks, que, como o próprio nome diz, são direcionados aos fãs, normalmente contendo mais romance que no jogo anterior e/ou outros conteúdos. Fandisks não necessariamente são continuações do jogo original, ou seja, não fazem tanta diferença assim para a história original, mas acrescentam mais dos personagens, além de outros detalhes. São, literalmente, um jogo “adicional” para os fãs.

Já os Simuladores de Romance são jogos com bastante texto, mas é bem focado no objetivo de namorar alguma personagem. O gameplay é bem mais complexo, é necessário aumentar diversos “pontos” dando presentes à personagem, indo em encontros nos momentos certos, estudando, etc. Exemplos mais famosos desse tipo de jogo seria Tokimeki Memorial e Love Plus.

Interface do jogo Tokimeki Memorial Girl's Side 2nd Season
Interface do jogo Tokimeki Memorial Girl’s Side 2nd Season

DRAMA CDS E CHARACTER CDS

Drama CDs são uma espécie de rádio novela. São histórias literalmente em formato de áudio, com efeitos de som e todo o resto. Os Drama CDs podem ser uma série independente ou como ‘extras’ de um jogo e, geralmente, o protagonista não tem voz alguma, então o áudio tenta ao máximo colocar o ouvinte no lugar do protagonista.

Drama CD do Ayato, de Diabolik Lovers
Drama CD do Ayato, de Diabolik Lovers

Character CDs são CDs com músicas cantadas pelo próprio personagem, uma espécie de tema deles (Character Songs ou Chara Songs). Geralmente vem também uma faixa de Drama, como as que podem ser encontradas em Drama CDs, mas mais curtas. Nem sempre esses CDs são focados em apenas uma personagem, havendo casos em que se foca em dois.

Character CD do Shin e do Toma, de Amnesia
Character CD do Shin e do Toma, de Amnesia

SEIYUUS

Seiyuu (声 優) é a palavra japonesa para “dubladores”, traduzido literalmente como “atores de voz”. Seiyuus surgiram nas rádios japonesas, depois ganhando mais atenção lá pelos anos 70, ganhando popularidade aos poucos. Após algum tempo, por volta da década de 90, depois de alguns “booms” nessa área, seiyuus começaram a ser considerados não apenas como “dubladores”, mas também como uma espécie de idols (ídolos). A partir daí, já era comum seiyuus não apenas dublarem, como também cantarem e fazerem shows. Alguns se focam mais no ramo musical, enquanto outros não se focam tanto.

No Japão, seiyuus são muito mais que “dubladores”, são considerados como verdadeiros idols lá, portanto extremamente populares. Devido a isso, é inevitável o fato de que acabem sendo uma das atrações na área Otome. Muitos fãs vão atrás de jogos ou CDs por causa de certos seiyuus.

EMPRESAS POPULARES

Atualmente, existem diversas empresas de otome games no mercado japonês. As mais populares seriam: Otomate, filial focada no público feminino da empresa de desenvolvimento de jogos Idea Factory, criada em 2007 e é mais centrada nos portáteis PSP e PS Vita; e a Rejet, criada em 2009, focada mais no desenvolvimento de Drama CDs do que jogos, chefiada por Iwasaki Daisuke, ex-funcionário da empresa HuneX. Otomate criou jogos como Hakuouki, Amnesia, Clock Zero, Code:Realize, Norn9 e a Rejet, Ken ga Kimi, TOKYO YAMANATE BOYSEssas duas empresas já fizeram algumas franquias juntas, como Diabolik Lovers, Gekka Ryouran ROMANCE e Black Wolves Saga.

Otomate Series

Outras empresas conhecidas são a falida Quinrose, criadora  da franquia famosíssima Heart no Kuni no Alice, que gerou de filme até mangás; e a honeybee, também extremamente conhecida pela franquia super popular Starry Skyque gerou anime e Drama CDs. Outra empresa, não tão conhecida quanto essas outras, é a Karin Entertainment, criadora de jogos como Zettai Meikyuu Grimm, Danzai no Maria, Princess Nightmare e Eikoku Tantei Mysteria. Também há a Takuyo, criadora de jogos como Getsuei Kusari Sakuran Paranoia, Shinigami to Shoujo.

Há várias empresas indies ou novatas na área de otome games para PC, mas várias delas contêm pouquíssimos jogos.

REVISTAS

Há algumas revistas com grande foco nessa área, trazendo notícias quentíssimas exclusivas sobre séries de jogos e drama CDs novas todo mês, além de entrevistas com seiyuus, diretores, escritores e artistas. Também são responsáveis por algumas publicações de mangás e até mesmo criação de jogo (como no caso da série Hana Awase
, que foi uma série criada em comemoração de 10 anos da revista B’s-LOG). Algumas edições vem com posters exclusivos, bottons ou até Drama CDs.

Revistas Guia

Dengeki Girl’s Style é uma revista que, antigamente, era lançada bi mensalmente, mas agora é lançada mensalmente, no dia 10. Essa revista é a mais focada na área Otome desde o começo, publicando sobre jogos para console e celulares, drama CDs e outros. Já serializaram alguns mangás de otome games, como Toki no Kizuna.

B’s-LOG era, originalmente, focada na área Boy’s Love/Yaoi, mas começaram a se focar na área Otome e agora, acabou se tornando o grande foco da revista. Falam sobre mais jogos do que a DGS, e também serializam não só mangás, como artbooks e outros. Gostam de publicar rankings de popularidade de personagens e outros, além de dar brindes interessantes como calendários, poster, etc. É lançada todo mês no dia 20.

Cool-B não é uma revista focada na área otome, mas tem uma seção para a mesma. É lançada bi mensalmente e é mais focada em BL e, apesar de não ter um foco tão grande como as outras duas, é bom mencioná-la porque ela lança alguns demos e aberturas de alguns jogos que são falados sobre dentro da revista, inclusive os otome games. É bom mencionar também que não censuram artes 18+.

Cool-B Sweet Princess é lançada raramente, mas é como a Cool-B, só que inteiramente focada na área otome. Não serve muito para acompanhar notícias, devido ao fato de não ter um período de lançamento certo, mas há artes bonitas e vem com demos de jogos e aberturas. Também há a Bitter Princess, focada APENAS no 18+ e lança apenas anualmente.

AINDA COM DÚVIDAS?

Se você ainda tem algum questionamento acerca o tema, não hesite em falar nos comentários abaixo. Faremos o possível para oferecer as respostas mais claras possíveis!

Nota: A capa do post é de uma cena de Seitokai no Ichizon em que Mafuyu, uma garota ‘gamer’, brinca mencionando o Thomas Edison, inventor da lâmpada elétrica, relacionando-o com a área de jogos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s